Fórums » Munchkin: Discussão de Regras

Dúvidas sobre ajudante em combate, carta Amiguinho e outras duvidas mais...


- Olá pessoal

- Tenho algumas dúvidas sobre o jogo.

1 - Quando eu chuto a porta e vem um monstro que eu não consigo derrotar. Ai eu peço ajuda pra alguem e essa pessoa aceita. Porém um outro jogador lança por exemplo a carta "Amiguinho". E agora nem com a ajuda da pessoa podemos derrotar o monstro. O ajudante pode sair da batalha e não querer ajudar mais? Ai só eu vou tentar fugir da coisa ruim do monstro?

2 - Outra duvida: Nessa mesma situação da duvida anterior. Eu tinha combinado com o ajudante dele ter 2 tesouros se me ajudar no combate. Porém com a carta "Amiguinho" os tesouros vão ser dobrados caso a gente consiga derrotar. O ajudante pode pedir mais tesouros? Ou se a gente derrotar ele só vai ter os 2 tesouros iniciais dele? No caso dobrou-se os tesouros e agora o ajudante quer mais. Se eu não aceitar dar mais tesouros, o ajudante pode sair da batalha?

3 - Assim que acaba o combate com um ajudante temos que abrir os tesouros para que todos possam ver certo? No caso o ajudante pega os tesouros dele depois que as cartas foram viradas ou antes de abrir pra todo mundo ver? (Eu jogava pegando os tesouros no escuro. Porém vi no video oficial da galapagos que o ajudante escolhia com os tesouros em aberto)

4 - Sobre a carta "Amiguinho": Todos os ampliadores de monstros servem pros dois mosntros? Tipo... eu jogo um buff de +10 para um monstro clonado com o Amiguinho. Isso significa que o buff também foi dobrado dando +20 pros monstros em combate? Essa carta também dobra o nivel né? Podendo uma pessoa upar até 4 níveis caso um monstro dê 2 niveis? Se uma pessoa tivesse nivel 6 poderia ter ganho nessa situação?

5 - Ainda sobre a carta "Amiguinho". Se eu utilizar uma poção do Polimorfismo nesse monstro o Amiguinho também vira papagaio e voa? Ou apenas um monstro sai do combate? 
Se os dois sairem do combate... eu ganho apenas os tesouros e não ganho os niveis certo?
Mas se apenas um sair do combate... eu ganho os tesouros de um e se eu derrotar o outro sozinho posso ganhar o nivel dele?

6 - Sobre a a habilidade da classe Clérigo Ressurreição. Eu tenho que usá-la somente antes de abrir a porta certo? Eu posso simplesmente "reviver" qualquer carta de qualquer pilha de descarte ou somente do descarte de cartas de porta? Eu posso "reviver" qualquer carta? Se a carta do topo for um monstro eu vou ter que derrotá-lo como se tivesse aberto a porta e viesse um monstro? Ou a carta simplesmente vem pra minha mão? Eu posso "reviver" maldições? E ai essas vão pra minha mão ou elas são aplicadas em mim como se tivesse aberto a porta? Se eu usar a Ressurreição o meu turno de "Abrir a porta" é cancelado certo? Então eu posso ainda procurar encrenca ou saquear a sala depois de usar a Ressurreição?

7 - Abri a porta e peguei essa carta: "Maldição! Perca 2 cartas". Ela diz que os jogadores da minha esquerda e direita devem pegar uma carta da minha mão. E como eu devo dar essas cartas a eles? Fiquei na duvida porque pode ser de três jeitos: 1 - os jogadores pegam as duas cartas da minha mão sem ver quais são. 2 - os jogadores olham a minha mão e escolhe a carta que eles quiserem. Ou 3 - Eu escolho a carta que vai para as mãos deles. Qual das 3 opções é a certa?

8 - Se alguem utilizar um Monstro Errante e mesmo assim eu consigo ganhar contra os dois mosntros. Eu ganho os tesouros dos dois monstros certo? Eu também ganho 2 niveis? Até porque eu matei dois monstros. A duvida também vale para monstros "Morto Vivo"

9- A carta de subir de nivel "Matar o Escudeiro". Ela só pode ser usada somente se tiver algum escudeiro no campo? Posso usar se não tiver nenhum?

10 - A carta "Choramingar com o Mestre" só pode ser usada se eu não for o maior nivel da partida. Se eu não puder usar essa carta ela pode ser considerada um item onde posso deixar na mochila? Já que ela é um tesouro. Ou os itens na mochila só podem ser aqueles com a cor azul e roxo? 

As próximas duvidas são sobre monstros:
11 - O monstro: "Golem de (os que fumam a) Pedra" Ele diz que eu posso escolher entre lutar contra ele ou não se eu não for um Halfling. Eu escolhi lutar porque eu vencia naquela rodada. Porém um outro jogador usou Monstro errante para ajudar na batalha. E agora eu estou perdendo dos dois monstros. Eu posso simplesmente apenas lutar contra o monstro novo e acenar para o Golem como diz a carta? Ou eu sou o obrigado a lutar contra o Golem porque eu decidi lutar antes?

12 - O monstro: "Nariz Flutuante". Acho que a carta está escrita errada. A coisa ruim disse que eu não posso fugir dele. Porém está escrito na aba "Coisa Ruim". Não entendi direito se eu realmente posso fugir dessa carta ou não.

13 - O monstro: "Pit Bull". "Se não conseguir derrotá-lo, você pode distraí-lo soltando uma varinha, vara ou cajado". No caso aqui eu descarto meu item que for um desses 3 certo? Eu não preciso ser necessariamente um mago e estar usando esses itens para descartar né?

14 - E por fim o monstro: "Hipopogrifo". Ele diz que eu "largo minhas coisas ao Fugir". Ou seja se eu conseguir fugir eu perco todos os meus itens? Seria esse um monstro em que é melhor não fugir? Porque a Coisa Ruim do monstro não é tãaao ruim do que perder todos os itens.

E é isso. Foi mal por ter tantas dúvidas. Espero que sejam respondidas.

Obrigado

1) Depois que o ajudante concordou definitivamente em ajudar, ele não pode sair do combate. Se vocês não conseguirem ganhar juntos, ambos perdem, ambos precisam rolar para Fugir do(s) Monstro(s), conforme as regras.

2) Se vocês combinaram 2 Tesouros, sua obrigação é de dar 2 Tesouros. Ele pode tentar te convencer a dar mais, especialmente se ele for gastar alguma carta para mudar a condição do combate para fazê-los vitoriosos, mas não tem nenhuma obrigação de mudar.

Alguns jogadores preferem, inclusive, negociar porcentagem do Tesouro, ao invés de números absolutos ("Você me dá metade dos Tesouros, eu escolho primeiro").

Ele pode PEDIR mais Tesouros, mas você não é obrigado a aceitar; se aceitar, você precisa cumprir o acordo o máximo possível (é um truque muito sujo, depois de todo mundo ter jogado várias cartas, você jogar uma que elimine todos os Tesouros do combate, e assim tirar a possibilidade de você pagar sua promessa, mas é a vida do jogador Munchkin). O ajudante, uma vez que tenha concordado em ajudar, não pode sair do combate. (Novamente, alguns jogadores gostam de deixar bem claro que um jogador concordou em ajudar: um aperto de mão, por exempo, ou ele tem que falar claramente "eu estou ajudando o <fulano> nesse combate", etc)

3) Sim, Tesouros em combate vitoriosos com ajudantes são sempre abertos; os jogadores podem (e devem) negociar quem vai escolher primeiro. Os jogadores podem decidir, por exemplo, que o ajudante vai receber o Tesouro que estava no topo da pilha, e o jogador principal reberá o segundo. Ou podem decidir que o ajudante escolhe um, depois o jogador principal, depois o ajudante mais um, alternadamente.... vale todo tipo de negócio, enfim.

A parte mais importante de os Tesouros serem abertos é que os OUTROS jogadores também podem ver quais eles são.

4) Sim, isso está no manual, na página 9: todos os ampliadores de monstros valem para o monstro e para o Amiguinho.

A carta não "dobra o nível", ela cria um segundo monstro, idêntico ao primeiro, com o mesmo texto e Coisa Ruim. Se o jogador derrotar o monstro mais o seu Amiguinho, ele ganha os respectivos níveis por ambos. Se cada um deles valer 2 Níveis, ele ganharia 4.

5) A Poção elimina apenas um dos monstros do combate; você só ganha os Tesouros dele se conseguir derrotar o outro.

6) Você não precisa usar só ao Chutar a Porta, é sempre que for comprar uma carta de porta ABERTA. Eu expliquei, de novo, nesse post, esses dias, dá uma olhada e me diz se não ficou claro.

7) O jogador a sua esquerda pega uma carta aleatoriamente, em seguida o jogador a sua direita pega uma carta, aleatoriamente. Pra mim, a melhor forma de escolher é deixar os jogadores rolarem no dado, ou você embaralha, coloca debaixo da mesa e deixa eles escolherem um número, e entrega a carta correspondente.

8) Se você derrotar um combate com monstros extras você ganha o Tesouro e os Níveis correspondentes para os monstros que você derrotou. Isso está na página 5 do manual.

9) Sim, é necessário que o Escudeiro esteja em jogo. Você não pode utilizá-la se ninguém tiver um Escudeiro.

10) Cartas de Subir um Nível não são Itens. Nem todo Tesouro é um Item (mas a grande maioria dos Itens são Tesouros). Itens são cartas que possuem valor em ouro, mesmo que seja Sem Valor. Tem um outro tópico que eu falei bastante de Itens e como carregá-los, pode ser útil pra você.

Outra coisa, não existe o termo "mochila" em Munchkin. Esse termo só confunde, até porque existem cartas que falam sobre mochilas. E porque no Munchkin Quest existe uma "mochila", e funciona diferente do que no Munchkin de cartas.

11) Você pode resolver ignorar o Golem a qualquer momento, se não for um Halfing. Sim, ele é um péssimo monstro pra ser jogado como Monstro Errante.

12) Você não pode rolar pra Fugir dele, ele automaticamente te fareja e te encontra. Isso faz parte da Coisa Ruim dele, não tem erro algum.

13) Basta você descartar um Item que seja varinha ou bastão, etc

14) "largo minhas coisas ao Fugir" é o descritivo. A mecânica disso vem logo a seguir: "Começando com quem estiver a sua direita, cada jogador pega um dos seus Tesouros em jogo ou uma carta na sua mão (sem olhar)".

- Nossa... Muito obrigado pelas respostas. Principalmente pelas 3 primeiras dúvidas. Onde deu umas treta pesada aqui nas minhas mesas de munchkin kkkkkk

15 - Li o topico que você falou do Clérigo e agora ficou meio que um questionamento. Por exemplo... imaginemos a situação que eu sou clérigo e eu peço a ajuda de um amigo pra combater o Dragão de Plutonio que dá 4 tesouros. Ele oferece a ajuda com a condição de: "Quero metade dos tesouros e escolho primeiro". Eu aceito que ele ajude. Nós derrotamos o monstro. Porém eu pretendo usar ressureição para pegar itens melhores que foram descartados anteriormente. Esses itens "ressurgidos" vão ser vistos por todos e pela condição do meu ajudante de escolher primeiro. Ele pode pegar os itens que eu revivi??? 

16 - Outro questionamento sobre Clérigo... Imaginemos a mesma situação acima porém eu não precisei de ajuda... Posso usar a ressureição para comprar 4 itens da pilha de descarte ao invez de pegar os 4 tesouros novos? Lembrando que aqui não seria uma carta "aberta" né? Então talvez essa pergunta já tenha sido respondida... porém a gente fica na duvida mesmo assim né rsrsrs

17 - Outra duvida com relação a mudança de classe e raça. Eu posso realmente trocar em qualquer momento do jogo? Imagenemos a situação em que eu sou um Elfo Nivel 2. Chuto a porta e vem o Monstro Polvozilla. Lvl 18 e Elfos perdem 4 de força. E ele não persegue personagens de Nivel 4 ou menos com excessão dos Elfos. Nessa situação eu poderia simplesmente descartar a minha carta de Elfo e voltar a ser humano ou colocar outra raça no lugar no meio do combate? Para fazer com que a coisa Ruim não me aconteça? Porque claramente eu perderia o combate. Porém não seria mais um Elfo que ele persegue até mesmo se for menor que o Nivel 4. E consequentemente eu também não teria a perda de -4 de força.

18 - Outra questão eu posso mudar minha classe ou raça até mesmo no turno de outro jogador? Porque imaginemos um cenário em que um jogador é um clérigo Nivel 9. E um Vaso de planta está no topo da pilha de descartes. Prevejo que ele poderia querer usar ressureição. Então eu poderia descartar minha carta de raça ou classe antes disso? Para evitar que ele "reviva" o vaso de planta cobrindo o topo da pilha?

19 - Ainda não ficou muito claro pra mim sobre o Monstro da duvida 14. O Hipopogrifo. Me desculpa a noobice. kkk Mas pelo que diz na carta também é: "Você é pisoteado e mastigado." Isso parece que é como se eu tivesse morrido. Então a coisa ruim é que eu morri? "Você larga suas coisas ao fugir" Então quer dizer que caso eu consiga fugir do monstro a mecanica que acontece é essa: O jogador a minha direita pega um item e tal e depois a esquerda... Caso contrário eu morro pisoteado e mastigado? E ai já se aplica as regras de um jogador morto no caso. Ou se eu conseguir fugir desse monstro nada me acontece?

Fiquei com essa dúvida porque da mesma maneira que o Nariz Flutuante.. Esse lance de não poder fugir está escrito na "Coisa Ruim" e por padrão... a coisa ruim só acontece caso você não consiga fugir ou estou engando? Se eu não tenho como fugir do Nariz Flutuante deveria estar escrito antes da "Coisa Ruim". E essa mecanica de Largar as coisas ao Fugir também deveria estar escrito antes da "Coisa ruim". Por isso não ficou muito claro pra mim se a carta foi feita corretamente. Diferentemente da Carta Rei Tut. Que diz que "Personagens de Níveis Maiores perderam 2 Níveis, mesmo se escaparem", e como essa frase não está na aba "Coisa Ruim", ai a carta explicou claramente o que acontece se eu fugir do monstro.

 

Muito obrigado mesmo por sanar as dúvidas. :)

 

15) Se você usar a habilidade do Clérigo, você decide primeiro quantos Tesouros vai ressucitar e quantos vai pegar normalmente. Supondo que você decida pegar 2 da pilha de descartes, você descarta as duas cartas para ativar a habilidade, e abre os dois Tesouros seguintes da pilha de compras. A partir daí, o seu ajudante pode escolher primeiro quais Tesouros ele vai pegar e quais vão ficar com você.

16) Você mesmo respondeu a essa. Próxima.

17) Você pode deixar de ser uma Raça ou Classe a qualquer momento. O que você descreveu é perfeitamente aceitável e uma jogada muito munchkin.

Mas...

18) Você só pode baixar uma Raça ou Classe nova a qualquer momento do seu turno. Ou se você tiver acabado de conseguir pegar a carta (por exemplo, se alguém te der uma carta de Raça durante a fase de Caridade, é fora do seu turno, mas você pode baixá-la, excepcionalmente). Mas perfeitamente normal você descartar uma carta de Raça ou Classe pra enterrar um monstro de nível baixo, para evitar um Clérigo de Ressucitá-lo.

19) De novo: "Você é pisoteado e mastigado" é texto descritivo. Se não estiver explicitamente escrito "você morreu", você NÃO morreu. De novo, o efeito mecânico é esse: se você NÃO conseguir Fugir, o jogador a sua direita pega um Tesouro seu em jogo, ou carta aleatória da sua mão. O próximo jogador faz a mesma coisa, depois o próximo, até rodar a mesa toda. Uma vez feito isso, seu turno termina normalmente. Se suas cartas/Tesouros acabarem antes de dar a volta, os jogadores que não receberam nada ficam sem. É a vida.

Você só sofre a Coisa Ruim se falhar a tentativa de Fuga. No caso do Nariz Flutante você não precisa nem rolar o dado, ele SEMPRE te encontra.